CuriosidadesInformática

Por que o primeiro computador da Apple foi feito de madeira?

por que o primeiro computador da apple foi feito de madeira?
TRABALHE NA INTERNET

Ganhe uma renda extra trabalhando pela internet

Descubra como aumentar seus rendimentos realizando tarefas simples no conforto de sua casa. Junte-se a milhares que já estão aproveitando estas oportunidades.

Saiba mais

Diversas unidades do Apple 1 foram montadas em estruturas de madeira, mas o motivo para isso não é certo. Embora não haja uma explicação definitiva para a escolha desse material, existem algumas razões históricas que podem ajudar a entender essa decisão.

O Apple 1, desenvolvido pelo engenheiro Steve Wozniak, inicialmente era oferecido apenas como uma placa de circuito, sem qualquer tipo de proteção. A ideia era comercializar os componentes como um kit, destinado a entusiastas de tecnologia que montariam seus próprios computadores.

No entanto, Steve Jobs conseguiu vender 50 unidades do computador já montadas para a Byte Shop, uma loja de eletrônicos baseada na Califórnia. Foi nesse momento que os componentes eletrônicos foram colocados em estruturas de madeira Koa, totalizando seis unidades. Atualmente, restam poucas peças desse tipo em circulação.

Embora não haja uma explicação exata para a escolha da madeira como material, é possível que tenha havido a intenção de agregar valor ao produto. A madeira Koa é considerada rara, crescendo apenas em regiões muito específicas. Ao utilizar esse material, a Apple pode ter buscado dar um toque de exclusividade e sofisticação ao Apple 1.

O valor histórico dessas unidades do Apple 1 com carcaças de madeira tem despertado grande interesse em leilões nos Estados Unidos. Os preços alcançados superam em muito o valor original do produto. Algumas peças chegaram a ser arrematadas por até US$ 800 mil.

Em comparação, em 1976, o computador foi vendido em torno de 200 unidades pelo valor de US$ 666,66, uma escolha feita por Wozniak devido à sua predileção por números repetidos. Considerando a correção relacionada ao valor da moeda estadunidense, esse preço seria equivalente a cerca de US$ 3,6 mil nos dias atuais, ou aproximadamente R$ 17 mil.

Além disso, é interessante destacar as especificações técnicas do Apple 1. O computador contava com um processador MOS 6502 de 1 MHz, 4 KB de memória RAM (expansível para 8 KB ou 48 KB) e uma saída de vídeo que permitia a conexão com uma televisão.

Curiosidades sobre uma unidade específica do Apple 1:

  • A unidade em questão possui uma carcaça de madeira Koa, o que a torna ainda mais rara e valiosa para os colecionadores.
  • Essa unidade em particular foi uma das seis vendidas pela Byte Shop para a qual Steve Jobs entregou os componentes eletrônicos em carcaças de madeira.
  • Durante um leilão recente, essa unidade do Apple 1 foi arrematada por um valor impressionante de US$ 800 mil, evidenciando o apelo histórico e colecionável do dispositivo.
  • Estima-se que apenas 62 unidades do Apple 1 ainda existam no mundo, sendo que 41 delas são da primeira leva produzida por Steve Wozniak.
  • Além do valor histórico, a unidade em questão também pode vir acompanhada de documentos e certificados de autenticidade, agregando ainda mais valor ao seu conjunto.

A combinação da inovação tecnológica representada pelo Apple 1 com a beleza e raridade da madeira Koa cria uma narrativa única na história da Apple e dos dispositivos eletrônicos. A presença dessas unidades em leilões destaca o valor cultural e histórico que esses itens raros representam para a comunidade tecnológica.

De acordo com informações de agosto de 2022, ainda existem 62 unidades do Apple 1 no planeta, sendo que 41 delas são da primeira leva produzida por Wozniak. Estima-se que haja pelo menos mais 20 unidades adicionais, embora não estejam oficialmente registradas.

Apesar de o motivo exato para a escolha da madeira no Apple 1 permanecer desconhecido, essa característica peculiar certamente adiciona um elemento de fascínio e valor histórico ao computador. A combinação da inovação tecnológica representada pelo Apple 1 com a beleza e raridade da madeira Koa cria uma narrativa única na história da Apple e dos dispositivos eletrônicos.

Shares:

Related Posts